logo banner

Sem filas, brasilienses acima de 35 anos recebem a quarta dose

Por PATRICIA em 01/07/2022 às 11:26:14

Sem pensar duas vezes, a servidora pública Letícia Martins, 35 anos, correu para tomar o imunizante assim que soube do início da aplicação da 4ª dose. "Antes de ir para o trabalho já vim aqui tomar", conta a moradora do Noroeste. "Foi super rápido", comenta sobre a fila na UBS 2 da Asa Norte.

A servidora garante que se houver mais doses irá tomar com certeza. "Eu acho que as pessoas deveriam vir tomar, porque eu estou querendo a quinta já se me deixaram tomar", destaca Letícia. Ela conta que viu em uma mensagem enviada por amigos, nas redes sociais, a publicação do governador anunciando a ampliação.

A pasta destaca que a aplicação da 4ª dose é para quem já tomou o reforço há pelo menos quatro meses. Além disso, é possível que maiores de 18 anos escolham o fabricante da vacina a ser aplicada. As opções são Pfizer, AstraZeneca ou Janssen.

No entanto, para gestantes, puérperas e imunossuprimidos, a dose de reforço é a vacina da Pfizer. A pasta da Saúde acrescenta que pessoas acima dos 50 anos não devem receber a CoronaVac para o reforço.

Já os adolescentes de 12 a 17 anos, que podem tomar a 3ª dose de reforço, só é possível escolher entre Pfizer e CoronaVac. Pessoas que tomaram a primeira dose da vacina sendo da Janssen também podem procurar os pontos de vacinação para a aplicação do reforço.

Para quem for aos pontos de imunização, vale ressaltar que a maioria atende das 8h às 17h. No entanto, há vacinação noturna para adultos em 17 postos de saúde espalhados por diversas regiões da capital.

Confira onde se vacinar contra a covid-19 nesta sexta-feira (1°/7).

Saiba Mais

Fonte: Correio Braziliense

Tags:   Covid-19
Comunicar erro
LINK NET

Comentários

AUTO ESCOLA